Onde investir o acerto? Saiba o que fazer com o dinheiro da rescisão

Diversas situações podem ocorrer e levar uma empresa a mandar embora boa parte de seu quadro de funcionários. Independente de qual seja as circunstâncias, ser demitido de um emprego é algo que pode resultar em mágoas e, até mesmo, colocar uma pessoa em uma situação difícil. Por isso, é importante tirar tempo para esfriar a cabeça e colocar os pensamentos em seu devido lugar.

Depois, você precisará avaliar com cuidado qual a melhor forma de investir dinheiro da sua rescisão trabalhista. Para ajudá-lo nessa jornada, separamos 5 formas de você investir o acerto. Ainda, analisaremos como você pode tomar a melhor decisão, de acordo com as suas circunstâncias.

Ficou curioso? Quer saber mais sobre esse assunto? Continue lendo este post e encontre dicas valiosas para o seu bolso!

Abra um negócio próprio

Abrir um negócio próprio, provavelmente, é a melhor alternativa de investimento para quem recebeu o acerto da rescisão.

Muitos buscam a oportunidade de usar o perfil de empreendedor que possui, fazer um melhor aproveitamento das boas ideias que têm, sair da estagnação e voltar a crescer no mercado de trabalho e, ainda, conseguir organizar melhor a rotina de forma que tenha mais tempo e dinheiro.

Tudo o que você ganhar é resultado do seu esforço e dedicação. Por isso, investir o seu acerto dessa forma pode ser a sua chance de alcançar esses objetivos e realizar o sonho de ser dono do próprio negócio.

Mas lembre-se de procurar um negócio que seja a sua cara. Se você gosta de carros, por exemplo, pode ser vantajoso abrir uma central de rastreamento veicular. Ao tomar atitudes como essa você garante a sua motivação para trabalhar.

Aplique o dinheiro em títulos públicos

Outra maneira de investir o acerto é aplicar o dinheiro em títulos públicos. Para conseguir isso, você deve ter o Cadastro de Pessoa Física — CPF — e uma conta-corrente em uma instituição financeira.

A partir daí, você pode escolher um banco ou uma corretora para ser a intermediária das suas transações com o tesouro direto. Lembre-se de verificar as taxas que deverão ser pagas para cada uma dessas instituições.

Guia completo: tudo o que você precisa saber sobre o mercado de monitoramento veicularPowered by Rock Convert

Depois de entrar em contato com a instituição de sua preferência, é necessário seguir os passos que forem indicados e escolher qual é a melhor forma de investimento em títulos públicos, de acordo com o seu perfil.

Invista em ações

Investir em ações na Bolsa de Valores também é uma boa maneira de aplicar o dinheiro que receberá na sua rescisão. Para isso será necessário:

  • escolher uma corretora;
  • abrir uma conta onde possa ser feito o investimento;
  • transferir o dinheiro;
  • definir quais são os seus objetivos;
  • fazer um plano de investimento;
  • escolher as ações que pretende investir;
  • acessar o sistema e efetuar a ordem compra;
  • verificar a valorização;
  • realizar lucro.

Lembre-se de sempre buscar organizações que estão credenciadas devidamente à Bolsa de Valores. A lista delas por ser analisada no site da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e da Bolsa.

Pague as dívidas acumuladas

Quem acabou de ser mandado embora, sabe que ter dívidas acumuladas se torna um grande desafio para as finanças pessoais. Por isso, essa talvez seja a oportunidade de renegociar os valores, tirar os juros, pagar as dívidas e sair do vermelho.

Assim, é possível organizar da melhor forma o seu orçamento, ter a cabeça fria e conseguir se manter por um período, até encontrar um novo emprego que atenda às suas necessidades.

Faça em uma viagem com a família

Há, ainda, aquelas pessoas que passaram por grandes períodos de estresse e precisam encontrar formas de relaxar um pouco antes de encontrar um novo emprego e seguir em frente.

Por isso, alguns optam por investir o acerto da rescisão trabalhista em uma viagem com a família. Assim, conseguem esfriar a cabeça, deixar as mágoas de ter sido mandado embora de lado e aproveitar um pouco o período em que está desempregado.

período em que está desempregado.

Afinal, como tomar a melhor decisão?

Como você pôde perceber, existem diversas coisas que a serem feitas com o dinheiro da rescisão trabalhista. Escolher a melhor forma de investir o acerto dependerá muito do que você espera para o seu futuro e o da sua família.

Para tomar a melhor decisão, é essencial o diálogo e a reflexão.

Converse com a sua família

Antes de tomar qualquer decisão é importante conversar com todos os que possam ser envolvidos. É verdade que crianças pequenas talvez não entendam muito bem o que você está dizendo e podem não ser de grande ajuda nesse momento, mas o seu cônjuge com certeza terá essa capacidade.

Por isso, seja bem franco com ele(a) e mostre todos os prós e contras de cada uma das alternativas que tem. Assim, você se sentirá mais seguro ao tomar uma decisão que envolve o futuro da sua família. Fazer isso também garantirá o apoio familiar diante das situações desafiadoras que podem surgir no meio do seu caminho.

Pense no resultado da sua escolha

Outra coisa que pode ser de grande ajuda ao decidir como investir o acerto da rescisão é pensar em como você gostaria de estar no futuro. Procure analisar as coisas em longo prazo. Ser imediatista pode gerar muitas frustrações e resultar no desperdício do seu dinheiro.

Caso opte por mais flexibilidade de tempo e dinheiro e escolha abrir um negócio próprio, essa habilidade de pensar no futuro é o que o ajudará a sobreviver em um mercado cada dia mais competitivo. Lembre-se que nada vem do dia para a noite, e o mesmo se dará com o retorno do investimento que fizer.

Invista em uma central de rastreamento

Agora que você deve saber mais sobre o mercado, como os dispositivos funcionam, quem é o público-alvo e os benefícios para o consumidor, é importante entender o que é necessário para abrir uma central de rastreamento veicular e iniciar o negócio.

Para começar, defina qual será a área de atuação. Como o mercado é bastante diversificado, é possível trabalhar com monitoramento de frotas ou atribuindo somente serviço de localização. Caso tenha dúvidas relacionado a isso, busque por um software que seja mais variado e permita as duas opções.

Escolher uma plataforma de confiança também é fundamental. Por isso, opte por aquelas que já são renomadas e que permitam a personalização com a marca da sua própria empresa.

Lembre-se de que o sistema é o coração do seu negócio, pois capta todas as informações dos rastreadores para a medição e elaboração de relatórios.

Depois, é preciso seguir alguns passos simples, como os destacados abaixo:

  • compra dos rastreadores: eles podem ser comprados por meio de fornecedores ou de forma direta com o fabricante. Plataformas renomadas no mercado ofertam as melhores condições para aquisição de equipamentos;
  • escolha dos chips para comunicação: é preciso adquirir chips que serão instalados nos rastreadores para o rastreamento feito por GPRS ou com sistema híbrido;
  • instalação: por fim, os rastreadores devem ser instalados nos veículos.
  • Além disso, será preciso uma boa conexão de internet e da sua disposição para fazer o negócio crescer. O principal benefício é que você pode iniciar sozinho ou com a participação de um membro da família. Isso dado que você pode terceirizar o atendimento 24 horas personalizado para o seu cliente.

Essa estrutura mencionada não exige muitos aparelhos, mas quanto maior a tecnologia e o alcance melhor para o seu negócio e investimento. Sendo assim, é um empreendimento bem econômico dentro de um setor em expansão contínua. Por isso, o custo benefício tem agradado cada vez mais os gestores.

Saiba escolher um software de rastreamento

Se você deseja investir em um sistema de rastreamento, você tem uma infinidade de opções disponíveis. Decidir que tipo de sistema de rastreamento é melhor para as necessidades de seu público, já que cada modelo tem características diferentes. Conheça como definir sua melhor escolha de sistemas de rastreamento veicular:

Estabeleça o objetivo do seu sistema de rastreamento

O que você usa no sistema de rastreamento ajudará você a decidir quais recursos você deseja. Certos sistemas de rastreamento irão ajudá-lo mais do que outros, dependendo de suas necessidades.

Pesquise como funcionam os dispositivos de rastreamento

Saber como os dispositivos de rastreamento funcionam ajudará você a considerar os prós e contras. Dispositivos de rastreamento de carros geralmente usam um transmissor sem fio, tecnologia celular e/ou uma rede de satélites em órbita ao redor do mundo. Ao receber informações dessas fontes, o sistema pode monitorar sua posição relativa.

Determine seu orçamento

Os rastreadores de carros variam de preço com base em características e marcas especiais. Defina um orçamento para si mesmo antes de empreender, para evitar gastar mais do que pode pagar. Você pode se sentir atraído a comprar um rastreador mais caro do que o necessário, se não pesquisar de antemão.

Decida quando e com que frequência você deseja monitorar

Os dispositivos de rastreamento variam em como e onde eles rastreiam seu carro. Alguns fornecerão atualizações em tempo real a cada minuto, enquanto outros fornecerão atualizações a cada poucas horas. O intervalo de comunicação pode ser definido no software de rastreamento ou por comandos sms. Dependendo das circunstâncias, um rastreador pode funcionar melhor que outro.

Vá com um sistema sem fio

Sistemas de rastreamento sem fio geralmente exigem que seu cliente pague uma taxa única de compra e instalação. A principal desvantagem é que ele só pode acessar informações de rastreamento quando o veículo estiver parado, para que possa fazer o upload dos dados.

Escolha um sistema baseado em satélite

Os sistemas GPS baseados em satélite são caros e exigem taxas de serviço mensais. O benefício é a precisão: com os satélites, você pode oferecer atualizações aos seus clientes em tempo real, onde existe falta de cobertura das operadoras de celular. 

Escolha se você quer um sistema de rastreamento ativo ou passivo

Os sistemas de rastreamento passivo armazenam a localização, a velocidade e outras informações enquanto estão na estrada. Quando o veículo retornar a um ponto predeterminado, você poderá remover o dispositivo e fazer o download das informações na sua central. Os sistemas de rastreamento ativos coletam as mesmas informações, mas transferem as informações online em tempo real.

Entre em contato com diferentes empresas de rastreamento

Se você estiver realizando o investimento em um rastreador com taxas mensais ou sistemas de alerta de roubo, ligue ou envie e-mails para diferentes empresas de rastreamento, como a Getrak que pode auxiliá-lo. Pergunte a eles quais ofertas eles têm e quais custos mensais você terá que pagar.

Tente uma loja de automóveis ou eletrônicos local

Visite uma loja de eletrônicos local ou uma loja de automóveis e converse com os funcionários sobre diferentes modelos. Mesmo que você não compre seu dispositivo para preparar sua central, eles podem ajudá-lo a encontrar o modelo ideal com base em suas necessidades.

Veja outros tipos de investimentos

Apesar do rastreamento veicular ser bastante rentável, você não precisa se prender somente a ele! Existem outras formas de investimento rentável que oferecem excelentes remunerações que podem te ajudar em suas finanças.

Renda fixa

A renda fixa é um tipo de garantia de investimento que paga aos investidores pagamentos de juros fixos até sua data de vencimento. Na maturidade, os investidores recebem o valor do principal que investiram. Os títulos governamentais e corporativos são os tipos mais comuns de produtos de renda fixa. No entanto, existem fundos negociados em bolsa de renda fixa e fundos mútuos disponíveis.

Esse investimento é seguro, pois oferece Títulos de Tesouro Protegidos pela Inflação (TIPS) protegem os investidores contra a inflação. A quantia principal de um título do TIPS é ajustada com inflação e deflação.

CDI

CDI são títulos emitidos por instituições financeiras com o objetivo de transferir recursos entre organizações que têm reserva e empresas que necessitam de capital para repor o seu caixa. É a sigla de Certificados de Depósito Interbancário. 

Tesouro direto

O Tesouro Direto é a plataforma online através da qual os investidores podem comprar títulos do governo federal diretamente do Tesouro. O Tesouro Direto vende títulos do Tesouro, notas, títulos, títulos protegidos contra a inflação do Tesouro (TIPS) e títulos de capitalização, todos apoiados pela plena fé e crédito do governo e usados ​​para financiar a dívida federal.

Bolsa de Valores

Independentemente de você esteja ainda começando no âmbito dos investimentos, não é novidade para ninguém que a Bolsa de Valores é o investimento com as maiores possibilidades de retorno do mercado. É a escolha dos grandes investidores.

Associada a outros investimentos e à inflação elevada fica claro que a Bolsa de Valores oferece um grande potencial de retorno e é por essa razão que cada dia mais brasileiros escolhem por ela.

Ficou claro que existem diversas formas de investir o acerto da sua rescisão. Conhecer cada uma delas é uma excelente maneira de tomar uma boa decisão para o futuro da sua família e saber qual a melhor forma de investir dinheiro. Assim, ao colocar em prática as dicas que apresentamos, você estará cada vez mais próximo de alcançar o resultado que deseja.

Gostou do post? Por isso, separamos outro artigo especial para que você siga abrangendo seus conhecimentos: Central de rastreamento veicular!

 
Powered by Rock Convert

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"