Guia completo sobre o promissor mercado de ativos monitorados

Os ativos monitorados, também conhecidos como gerenciamento ou rastreamento de ativos, são um sistema de hardware e software que registra informações sobre ativos tangíveis, permitindo que uma empresa verifique a localização e o status de seus ativos.

Guia completo: tudo o que você precisa saber sobre o mercado de monitoramento veicularPowered by Rock Convert

Além da localização do ativo, um sistema de rastreamento de ativos também pode rastrear nome, tipo, uso, horário do mecanismo, horário de manutenção e outras informações, além de enviar alertas aos gerentes quando algo der errado.

Os ativos adequadamente tratados duram significativamente mais do que aqueles que são maltratados. Os fundos de capital usados ​​para substituir equipamentos desgastados poderiam ser utilizados em outros lugares para o bem dos negócios.

Um foco de confiabilidade pode gerar maior eficiência de ativos — em outras palavras, os ativos são produtivos por um longo período de tempo. Com o monitoramento de ativos, tome decisões informado pelas condições e experiência existentes para melhorar a produção de seus equipamentos, sistemas e aplicativos existentes.

Aproveite para conhecer toda a estratégia desse mercado que vamos abordar durante o desenvolvimento do nosso guia. Confira!

Veja o que são ativos

Nos termos mais simples — se você considerar que a gestão de frota incorpora todos os aspectos relacionados ao gerenciamento de uma frota —, o gerenciamento de ativos é semelhante, mas gerencia todos os ativos em toda a empresa, e isso inclui os da sua frota.

Edifícios, máquinas de plantas e ferramentas de equipamentos — de fato, qualquer coisa tangível ou intangível — podem ser gerenciados com eficiência a partir de um ponto central. Além do gerenciamento de mobilidade, o gerenciamento de ativos é visto como o próximo passo na evolução do gerenciamento de frota. A boa notícia é que a tecnologia de software já está em vigor.

Os ativos monitorados são também um processo para rastrear e monitorar os ativos fixos e/ou móveis de uma empresa para fins de contabilidade financeira, manutenção preventiva e dissuasão de roubo.

Entenda a importância de gerir os ativos de forma eficiente

O gerenciamento de ativos é importante para conformidade e gerenciamento dos resultados, mas se torna especialmente complexo para organizações com vários locais, frotas, funcionários de serviço de campo ou outras situações complexas.

As soluções eficazes de rastreamento de ativos são essenciais para o monitoramento eficiente da localização, as contagens de inventário e a supervisão da manutenção, condição e depreciação de ativos de alto valor e críticos para os negócios.

As organizações podem adotar práticas de gerenciamento de ativos, como soluções de software de gerenciamento de ativos, métodos de rastreamento automatizados com scanners fixos e códigos de barras outags de ativos com leitores de código de barras portáteis que produzem relatórios para ajudá-los a gerenciar seus ativos.

A implementação de soluções eficazes de gerenciamento de ativos enquanto a empresa é pequena promove o crescimento contínuo, principalmente com as soluções abrangentes e escaláveis ​​disponíveis atualmente.

Regularmente, os gerentes de frota precisam lidar com uma série de responsabilidades, como veículos e equipamentos, operações de manutenção, motoristas, combustível e segurança. A capacidade de coletar e analisar dados relevantes de qualidade pode levar a um melhor gerenciamento de ativos e operações. Esses dados também ajudam a direcionar uma abordagem informada para identificar ineficiências e criar oportunidades para definir padrões de desempenho e medir com precisão o sucesso.

De quais dados eu preciso?

A chave para utilizar dados de maneira eficiente e eficaz começa com duas etapas principais.

Etapa 1: tenha um entendimento claro dos dados disponíveis 

Os dados podem ser recebidos de diversas fontes, incluindo informações de gerenciamento, software financeiro, serviços externos, fornecedores de peças e combustíveis e, cada vez mais, de sistemas de telemática para veículos. Existe o risco de haver muitos dados, o que significa que é importante determinar de quais informações você realmente precisa.

Etapa 2: determine como os dados podem ajudar a melhorar uma operação

Identificar quais dados devem direcionar seus negócios é muito importante. Ter dados prontamente disponíveis, como custos de veículos, custos de combustível e utilização de ativos, é fundamental na tomada de decisões para moldar o futuro de sua frota.

Esse processo começa com a determinação de quais dados são mais úteis e como precisam ser agrupados para fins de relatório e análise, como o rastreamento dos principais indicadores de desempenho (KPIs).

O software de gerenciamento de frota pré-configurado, como o FleetWave CORE, contém os principais módulos e estruturas de relatório existentes para gerenciar efetivamente uma frota. Isso significa que apenas os dados relevantes para influenciar as operações da frota são coletados, o que economiza tempo procurando resultados irrelevantes. E os dados se tornam mais úteis para o gerenciamento de ativos quando ajudam a alcançar a consecução de metas e objetivos.

Fique por dentro do mercado de ativos monitorados e das tendências para os próximos anos

Espera-se que o mercado de ativos monitorados atinja uma escala monetária de bilhões de reais até o fim de 2022 devido à conjuntura econômica em busca de novas alternativas e ao cenário de ativos ser muito atraente.

Por isso, preparamos para você, logo abaixo, uma análise sintética sobre o mercado, suas expectativas e aquilo que ele pode oferecer em troca para seus investidores:

  • fornecer análise detalhada da estrutura do mercado, juntamente com a previsão dos vários segmentos e subsegmentos do mercado global de gerenciamento remoto de ativos;

  • fornecer informações sobre os fatores que afetam o crescimento do mercado.

  • analisar o mercado global de gerenciamento remoto de ativos com base nas análises de cinco forças de Porter;

  • fornecer receita histórica e prevista dos segmentos e subsegmentos de mercado com relação a quatro principais regiões geográficas: metrópoles, capitais, cidades médias e interior;

  • fornecer análises do mercado em nível de país com relação ao tamanho atual do mercado e às perspectivas futuras;

  • fornecer análises a nível nacional do mercado de segmentos por solução, aplicação e região;

  • fornecer perfis estratégicos dos principais players do mercado, analisando de forma abrangente suas principais competências e traçando um cenário competitivo para o mercado;

  • acompanhar e analisar desenvolvimentos competitivos, como joint ventures, alianças estratégicas, fusões e aquisições, desenvolvimentos de novos produtos e pesquisas e desenvolvimentos no gerenciamento remoto global de ativos.

Principais participantes

Os principais participantes do mercado global de gerenciamento remoto de ativos incluem IBM Corporation, Cisco Systems, Inc, AT&T Intellectual Property, Hitachi, Ltd., Verizon Communications, Inc., PTC Inc., SAP SE, Rockwell Automation, Inc., Schneider Electric SE, Infosys Limited e uma que vem se destacando muito de origem brasileira: Getrak.

Segmentos de mercado

Para esclarecer melhor essa análise, a Getrak segmentou o promissor mercado de ativos monitorados em solução, aplicação e região.

Por solução:

  • vigilância e segurança;

  • gerenciamento de largura de banda de rede;

  • gerenciamento de desempenho de ativos;

  • gerenciamento de aplicativos;

  • gerenciamento de conectividade;

  • serviços profissionais;

  • serviços gerenciados;

  • rastreamento via satélite de localização em tempo real;

  • monitoramento de condição de ativos;

  • manutenção preditiva.

Por aplicativo:

  • automação;

  • saúde e bem-estar;

  • varejo inteligente;

  • utilitários e grades;

  • monitoramento da produção;

  • logística conectada;

  • gerenciamento de frota.

Por região:

  • metrópoles;

  • capitais;

  • médias cidades;

  • interior.

Regionalmente, o sudeste representava a maior participação de mercado devido aos avanços tecnológicos seguidos pela infraestrutura adequada da internet, adoção de novas tecnologias e presença de fortes fornecedores de soluções locais.

Audiência pretendida:

  • fabricantes;

  • distribuidores;

  • empresas de pesquisa;

  • empresas de consultoria;

  • desenvolvedores de software;

  • fornecedores;

  • fabricantes de semicondutores;

  • acionistas;

  • setores de usuário final;

  • investidores em tecnologia.

Saiba o que são ativos monitorados

Com a infraestrutura crítica se tornando digital, o novo normal se baseia na coleta e análise de dados para conduzir decisões — desde a menor bomba até um mecanismo complexo, um navio ou tubulação inteira e uma cadeia de suprimentos de ponta a ponta.

Mas a chave para otimizar as operações nesse ambiente é primeiro entender quais dados você possui e depois o que eles estão dizendo. Enquanto grandes quantidades de dados estão sendo produzidas, conectar fontes de dados e analisá-los para fornecer informações valiosas pode ser um grande desafio.

A nova economia digital tem muitas vantagens: melhorias de produtividade e processos, maior lucratividade, cadeias de suprimentos otimizadas e novos modelos de negócios. Mas, para colher os benefícios, as organizações precisam enfrentar dois desafios: primeiro, precisam entender quais dados já têm e como podem usá-los; depois, precisam aproveitar os dados que as novas soluções digitais geram.

Reunir esses dois elementos é essencial para produzir insights acionáveis que permitam tomar decisões em tempo real para beneficiar seus negócios. Em outras palavras, os dados são essenciais.

Muitas organizações estão lutando com complexidades. Hoje, uma grande quantidade de dados, estruturados e não estruturados, está sendo gerada a partir de muitas fontes diferentes — incluindo SCADA, dados operacionais e históricos, todos em vários formatos.

Porém, essas fontes geralmente não estão conectadas e, como tal, apenas uma fração desses dados é usada. Por exemplo, uma plataforma de petróleo usa apenas cerca de 1% dos 1,4 TB de dados gerados diariamente e os navios de cruzeiro normalmente têm pontos de dados de 1,2 bilhão, mas, como isso é gerado a partir de equipamentos instalados por diferentes fabricantes, eles normalmente não interagem.

O desafio não é apenas reunir esses dados, mas analisá-los para fornecer informações acionáveis. Assim, a articulação ou definição do problema, a instrumentação do equipamento, a coleta e a agregação de dados em tempo real e a normalização em formatos que podem ser analisados, até o desenvolvimento de aplicativos móveis personalizados e painéis de gerenciamento específicos para cada das necessidades de nossos clientes

Nossa solução é capaz de reunir e integrar dados de qualquer fonte em uma única versão da verdade dos dados e agregá-los ao que chamamos de datalake. Seus dados podem ser transmitidos em tempo real e integrados ao aprendizado de máquina, oferecendo uma visão completa dos seus ativos.

Isso produz insights acionáveis ​​sobre um ou vários ativos para otimizar operações e reduzir riscos. Também podemos fornecer aos clientes ferramentas, orientações e treinamento para desenvolver suas próprias ideias.

A Getrak atua como um agregador independente de dados, reunindo várias fontes de dados e complementando-as com recursos adicionais para aumentar os dados ausentes. Ao fazer isso, podemos oferecer aos nossos clientes uma visão holística e informada de seus ativos. Nossa plataforma de nuvem segura pode residir nas redes da Getrak, na nuvem pública ou nos próprios data centers dos clientes, dependendo de seus requisitos, e você sempre mantém controle total e propriedade dos seus dados.

Nossos consultores trabalham para entender os desafios que você deseja solucionar, além de identificar oportunidades de inovação. Em seguida, criaremos rapidamente uma prova de conceito inicial para testar o resultado, criar o business case e demonstrar valor por meio de um piloto, antes da implantação completa na empresa.

Pode-se desenvolver rapidamente modelos precisos e preditivos, fornecer total integração com os sistemas de ERP, manutenção e serviço e fornecer validação externa independente dos modos preditivos e da precisão.

Se você está simplesmente querendo explorar o que a transformação digital pode significar, quer dar os primeiros passos para se preparar para a digital ou precisa da entrega de uma solução completa para resolver um desafio específico, a Getrak pode ajudar.

Confira por que é tão importante monitorar ativos

Ao longo dos anos, vários sistemas foram adotados pelas operações da frota para atender às necessidades de gerenciamento de ativos. Embora alguns sistemas de gerenciamento de ativos de software (SAM) forneçam recursos essenciais de análise e dados, eles nem sempre atendem às suas necessidades específicas como gerente de frota.

A característica distintiva do software eficaz de gerenciamento de ativos para frotas é o foco nas condições e desempenho dos ativos do veículo. Eles visam ajudá-lo a alcançar metas e resultados de desempenho definidos, criando:

  • retorno mais rápido do investimento;

  • melhoria mensurável da eficiência operacional;

  • custos mais baixos;

  • cargas administrativas reduzidas;

  • níveis mais altos de conformidade;

  • melhor gerenciamento de riscos.

Como as informações são centrais para qualquer abordagem de gerenciamento de ativos, o sistema escolhido também deve simplificar todas as partes do gerenciamento de frotas, ativos e força de trabalho — da visão financeira de veículos e equipamentos à política, monitoramento de motoristas, técnicos e oficinas.

Esses sistemas também abordam o ciclo de vida completo dos ativos, desde a aquisição até a alienação. Eles também incorporam todos os custos fixos e despesas operacionais variáveis, bem como detalhes de utilização, manutenção e conformidade, semelhante a um sistema de gerenciamento de ativos.

Os sistemas avançados de software de gerenciamento de frota continuam a se tornar cada vez mais complexos. Isso devido às necessidades de gerenciamento de ativos que exigem novas ideias e ferramentas para ajudá-lo a tomar decisões que resultam em maior eficiência, custos mais baixos, maior tempo de atividade de veículos e equipamentos e satisfação dos funcionários e clientes.

Aprenda a desenvolver um plano de gerenciamento de ativos

Desenvolver um plano de gerenciamento de ativos e ter um software de gerenciamento de ativos para dar suporte a isso é fundamental para alcançar os objetivos de gerenciamento de ativos. Mas por onde você começa? Existem quatro etapas para o desenvolvimento de um plano eficaz de gerenciamento de ativos.

Defina os objetivos

Eles precisam estar alinhados com os objetivos corporativos e, ao estabelecê-los, devem ser considerados os desafios, os objetivos, as prioridades e as capacidades do gerenciamento de ativos .

Pergunte a si mesmo: o que a empresa está tentando alcançar e como os objetivos do plano de gerenciamento de ativos devem ajudar a alcançar isso?

Ao definir objetivos, sempre verifique se eles são SMART (específicos, mensuráveis, realizáveis, realistas e com limite de tempo). Eles precisam estar alinhados com a missão, visão e objetivos da empresa.

Crie uma estratégia

Os objetivos só podem ser alcançados se você tiver uma estratégia e ação para cumpri-los!

Esta fase é uma boa oportunidade para realizar uma auditoria de seus ativos e criar um inventário atualizado. Ao revisar seus ativos, considere as seguintes perguntas:

  • quais ativos pertencem ao negócio;

  • onde eles estão;

  • em que condição eles estão;

  • qual é a vida útil restante;

  • qual é o valor econômico.

Uma vez concluído, o próximo estágio é determinar e planejar os riscos potenciais para os negócios.

Gerenciar riscos

Há quatro razões principais pelas quais um ativo pode falhar:

  • fracasso em atender à demanda;

  • erro nos níveis de serviço;

  • irregularidade econômica: os custos de operação excedem o custo do ativo;

  • fim da vida (deixa de funcionar).

Depois que essa tarefa estiver concluída, o nível de risco poderá ser medido em relação ao impacto no restante dos negócios. O plano de gerenciamento de ativos pode priorizar entre os ativos que apresentam um risco prejudicial maior para os negócios, para que eles possam agir primeiro, planejando com antecedência para evitar essa falha.

Monitorar e revisar

Na etapa final, uma vez que um plano de gerenciamento de ativos esteja operacional, esse processo estará ativo durante todo o ciclo de vida do ativo. Essa prática permite monitorar a eficiência e a relação custo-benefício de seus ativos. Decisões precisas podem ser tomadas com relação a seus ativos, como atualizar ou alterar políticas de manutenção, injetar dinheiro em atualizações ou investir capital em novos ativos.

Um software eficaz de gerenciamento de ativos oferece uma visão muito mais abrangente e holística dos negócios do que apenas um sistema de gerenciamento de frota. Isso, por sua vez, permite aos gerentes maior escopo e transparência para apoiar o crescimento e o desenvolvimento em todo o negócio.

Veja os benefícios do gerenciamento de ativos

Há muitos! Para que um plano de gerenciamento de ativos seja eficaz, ele precisa ser suportado por um sistema de gerenciamento de ativos com os recursos para monitorar e manter itens de valor — tangíveis e intangíveis. Eles são semelhantes aos sistemas de gerenciamento de frota, mas podem ser implementados em uma escala de negócios muito mais ampla.

Trabalhando em outros departamentos, locais e instalações comerciais, ativos como veículos, ferramentas, equipamentos, processos e até pessoas podem ser revisados ​​e gerenciados com eficiência a partir de um ‘hub’ central. Esse trabalho colaborativo ajuda a empresa a reduzir os gastos gerais de capital e operacionais relacionados a seus ativos.

Um software de gerenciamento de ativos correto e implementado pode:

  • acompanhar todos os ativos;

  • gerenciar ativos de diferentes locais;

  • oferecer uma oportunidade para planejar riscos financeiros, operacionais e legais;

  • definir os níveis de serviço;

  • organizar o portfólio de ativos;

  • criar uma operação mais eficiente com a capacidade de acompanhar o desempenho;

  • melhorar o gerenciamento de tempo;

  • medir e monitorar os custos do ciclo de vida;

  • promover a estabilidade econômica e o crescimento da sua empresa.

Além disso, o software fornece:

  • suporte;

  • sistema de alerta;

  • segurança de dados;

  • funcionalidades.

Saiba o que considerar ao escolher uma empresa de rastreamento

O software é o coração da empresa. Por meio dele, será possível controlar e monitorar toda a sua frota rastreada mediante uma plataforma 100% digital. O sistema registra as informações dos rastreadores, organiza diversos tipos de dados e oferece inúmeros benefícios.

A central de rastreamento deve estar relacionada com a localização, o que torna viável tanto o acompanhamento de entregas e o transporte de cargas quanto a recuperação do automóvel, em caso de roubo.

Além disso, deve-se disponibilizar alertas eficientes, otimizar trajetos, realizar bloqueios, fornecer telemetria avançada e suporte.

Listamos, a seguir, as principais características que devem ser consideradas antes de escolher a empresa de rastreamento:

  • realização da localização precisa do veículo;

  • disponibilização de um sistema de alerta eficiente;

  • oferta de mapeamento atualizado;

  • realização de cerca eletrônica;

  • fornecimento de relatórios claros e objetivos;

  • oferta de telemetria;

  • possibilidade de personalização e atendimento 24 horas.

Agora que você conhece essas características de um programa de rastreamento, tem uma ótima base para escolher o melhor produto.

Conclusão

As empresas precisam transformar seus negócios para permanecerem competitivas e atenderem às novas demandas do mercado, reguladoras e dos consumidores. São necessárias práticas recomendadas para analisar dados, monitorar processos, conduzir operações seguras, prolongar a vida útil dos ativos monitorados e melhorar a produtividade e a segurança .

O mercado de ativos monitorados está crescendo significativamente devido ao aumento progressivo do rastreamento dos produtos da empresa e à entrada de ativos na planilha ou na compra de software de gerenciamento de ativos para lidar e gerenciar os processos de negócios.

O monitoramento de ativos é um sistema usado por uma empresa para rastrear, manter e registrar os ativos da empresa. Inclui ativos digitais e físicos, como equipamentos e propriedade intelectual. A implementação do sistema de ativos monitorados ajuda a organização a rastrear ativos para aprimorar o fluxo de trabalho e a produtividade, dar soluções, manter registros de perdas e lucros, reduzir as chances de perda e extravio de ativos.

Gostou do post? Então aproveite compartilhar com seus amigos em suas redes sociais!

 

Powered by Rock Convert

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"